*Colaborou com a notícia a jornalista Juliane Couto

A Igreja Evangélica  Batista Conserva dora de Hulha Negra está trabalhando para ampliar suas dependências. À frente do trabalho há seis anos, o pastor responsável Jorge Gonçalves conta com o apoio dos membros e da comunidade para o desenvolvimento da construção.

Pastor Jorge Gonçalves está em Hulha Negra desde 2012

A obra que agora avança na construção de um novo salão social, além da ampliação do templo tem previsão para o término no final de 2018. Para que o projeto de ampliação do templo e dependências seja concluído, regularmente são feitas promoções para arrecadar fundos para a construção, estas sempre prestigiadas por pessoas da comunidade que apesar de não serem membros da congregação, apoiam as iniciativas da Igreja em Hulha Negra.

O pastor Jorge Gonçalves, que em sua gestão já organizou um jantar beneficente para 800 pessoas, explica que essa proximidade entre comunidade e Igreja deve-se ao fato da cidade ser pequena, portanto, com um perfil acolhedor e cooperativo. O novo salão social irá abrigar mais de 100 pessoas e terá banheiros independentes, também para portadores de necessidades especiais. Já na parte de ampliação do templo, o local que já recebeu reforma na decoração do púlpito terá galerias de acesso no piso superior, além de salas para estudo e a casa pastoral.

Atualmente, a IBC Hulha Negra conta com 80 membros e tem investido em frentes missionárias, como por exemplo, o trabalho social com crianças e adolescentes e visitas aos lares e em breve terá início a um novo projeto musical com aulas de canto e instrumentos.  Para o pastor responsável, o trabalho que agora encaminha-se para um futuro mais próspero e desafiador é fruto dos precursores da Obra em Hulha Negra que neste ano completou 36 anos de fundação. “A Igreja está feliz e envolvida. Estamos colhendo o que nossos antecessores plantaram e regaram”, afirma.

Comentários

comentários